RESENHA #48: Para sempre




    

    Nome: Para Sempre - os imortais
    Autora: Alyson Nóel 
    Páginas: 255







 
Oi, tudo bem com vocês, sou o Henrique e bom, vim trazer mais uma resenha um pouco difícil de fazer, quando o livro lhe surpreende no final, mas somente no final por que até a metade do livro é uma bosta, então a resenha de hoje é do livro Para sempre.

O livro vai contar dessa vez a história de uma garota chamada Ever, uma história triste incabível de uma garota que carrega nas costas uma culpa onde não existe. Os pais delas morrem em um acidente de carro, okay tudo bem até então só que a família toda estava reunida nesse carro inclusive ela que supostamente a deixa sendo a única sobrevivente. O tema que o livro aborda é mais reencarnação e espiritualidade, então após o acidente a sua irmã caçula começa a visitar ela no hospital sim a irmã dela virou meio que um fantasma.  Ela se fecha no mundo dela super gótica de capuz e tudo até que isso vai enrolando quase a metade do livro todo, Haver a melhor amiga dela e Miles que por sinal é o gay mais conservado que conheci,  literalmente falado até que um certo dia chega o senhor perfeição Damen, a principio tomando o seu liquido vermelho, morando em mansões quase deserta e sumindo rapidamente levamos a intuição de que Damen é um vampiro talvez já que a série é os imortais mas né vão ler para descobri isso. E tudo piora quando Drina chega, no começo a Ever acha que eles são um casal, mas descobre que eles são mais que isso mas mesmo assim o Damen sempre amará a Ever por toda a eternidade, é um fato.  

Depois que a garotinha Ever consegue do pior modo tirar por algum tempo os poderes dela que afinal mesmo ela não sendo uma imortal até então ela consegue enxergar a aura de cada pessoa e ler a mente delas também, mas o pior é que logo após o acidente ela vai morar na casa da tia que por sinal não queria o novo cargo de mãe substituta embora nem a Ever queira. O livro aborda um tema ótimo embora seja muito enrolado e a escrita da Alyson é perfeita. 

Depois de uma enrolada só, ela se livra quase por completa dos seus poderes e isso faz com que ela afaste seu verdadeiro amor, mas ela percebe a burrada que fez, mas agora é tarde de mais. Depois de muito esforço tudo vai se ajeitando até ouvir um lindo eu te amo. E a tulipa vermelha que sempre Damen dar para Ever tem um significado, mesmo sendo as pequenas coisas sempre tem. Adoraria que esse livro virasse uma série. Espero que tenham gostado, até a próxima. 


Nenhum comentário :

Postar um comentário