Resenha #46: O quarto do sonho




Nome: O quarto do sonho

Páginas: 350

Autora: Renata Dias

Editora: Novo século



Sinopse:Gabe é um estudante de psicologia que levava uma vida acomodada e sem grandes expectativas, principalmente no campo sentimental, e que, após ser confrontado pela irmã, permitiu entregar-se a uma viagem onde pôde vivenciar aventuras, situações inusitadas dentro do consultório e na vida pessoal. O livro retrata sua relação com a primeira namorada, experiências em um relacionamento com uma mulher que é completamente o oposto dele e que propiciou a realização de fantasias e, assim, a descoberta de um homem mais intenso e liberto. O quarto do sonho é um livro com linguagem de fácil entendimento, recheado de cenas calientes e detalhadamente explícitas… Permita-se experimentar esse sonho e desvendar os seus desejos reais!
Resenha:
Voltei, bom eu vou tentar dizer em palavras todo o amor que eu sento por esse livro, de todos os romances eróticos que li esse sim, não pode, não, não deve ser comparado com nenhum livro desse gênero. Recebi a um bom tempo o livro em parceria com a autora: Renata Dias, a autora do livro. Eu detesto não ter tempo para ler pelas semanas meus livros e ter demorando tanto para terminar o livro abriu meus pensamentos a respeitos de alguns aspectos, e peço a Renata Dias que, por favor, libera logo a continuação do Quarto do sonho. O quarto do conto. Estou muito curioso, e essa curiosidade está matando meu psicológico. Eu devo parabeniza-la por essa obra perfeita que você pode compartilhar com os seus leitores, seus fãs.



Esse belíssimo conto é narrado pelo Gabriel. Gabe como preferir, um “Homem feito“ que desde garoto se comporta como tal, por um bom tempo conviveu com sua família, um rapaz muito educado e cavalheiro, tudo isso em um só pacote. Gabe é um rapaz já decidido e desde mais novo zela pelo seu futuro profissional brilhante, seu perfil foi designado psicólogo, tal profissão que lhe trouxe uma nova visão para seus estudos, apesar da sua vida não ser nem um pouquinho agitada, seus relacionamentos de: “Não vão durar nem uma semana”, não se deixe enganar por essa frase talvez para o seu bem ele seja mais do que comportado, sua prioridade sempre foi seu trabalho, que vivia sempre se repetindo, cada dia da sua vida vazia era cada dia mais vazia.



Sem emoção alguma, depois de um desentendimento ele decidiu tomar um rumo para longe, para longe de tudo e de todos até mesmo da sua melhor amiga de infância, depois da sua faculdade embarcou para Los Angeles, onde teve a sua especialização, onde se fechou de vez, tornando sua vida ainda mais repetida, se é que isso era possível, mas o pior é que se tornou , acorda tarde, academia, atender seus pacientes, o limite da sua vida era as tarde de cafés com sues colegas.



Eu nunca vou poder levar uma vida tão “pacifica” quanto à do Gabe.



A princípio ele morava em uma espécie de constituição com seus colegas de trabalho, onde sua privacidade não era nem um pouco respeitada, então em meio dessa necessidade de organização, ele acabou indo morar no apartamento de uma total desconhecida, ela se chama Clarie, uma menina-adulta um pouco mais velha que o Gabe, e de fato o apartamento dela era limpo, embora a Clarie seja o tipo de “menina” festeira. No dia seguinte ele já estava morando lá, no dia seguinte ele trouxe para o apartamento algumas rosas, como um bom recepcionista e um ótimo cavalheiro, já estimulando a melhorar o ambiente e iniciando uma boa amizade com a doce Clarie.



De um dia para o outro, o Gabe com sua nova vida, pode experimentar tudo que ele tinha perdido nos seus anos de estudo, partiu-se ir mais além, o seu modo de ver a vida mudou com ajuda da Clarie ele pode entender como a vida pode ser divertida para quem sabe usa-la. Embora o Gabe não esteja acostumado com aquela vida, onde tudo foi se transformando, talvez só por um pouco, por um pouco isso fosse o melhor para ele.

Eu sempre tive uma opinião formada para autores que escrevem livros eróticos: Bom! O bom é que: Ele nos tira o desejo de reviver toda essa

Nenhum comentário :

Postar um comentário